LOADING...

Category "Tecnologia"

11maio

Metodologia Flexo 4.0 — Faça mais com CMYK

by clicheriaadmin

Muito tem se falado da Indústria 4.0 e do surgimento de novas tecnologias para o mercado com o objetivo de otimizar a produção. No mercado de comunicação visual, o cenário não poderia ser diferente. Afinal, os processos de impressão devem convergir cada vez mais, tornando possível a Metodologia Flexo 4.0 Faça mais com CMYK.

Nesse sentido, é comum vermos tecnologias agregando valor ao processo flexográfico, enquanto os custos são reduzidos. Afinal quem não sonha com o menor ganho de ponto, aumento de contraste, finais de degradês em zero e aspecto de impressão digital?

Relacionado: Conheça o sistema Pixel Plus 

Pois, bem! Os 40 anos de experiência da Clicheria Blumenau trouxeram com ela o conhecimento técnico e o uso de tecnologias de ponta que permitem um suporte total do processo de impressão flexo, tornando possível e seu sonho de fazer mais com CMYK.

Por isso, conhecer todas as variantes desse processo é tão importante para ampliar o GAMUT de cores dentro do sistema CMYK, além disso, buscamos sempre as melhores metodologias de gerenciamento de cores, e isso faz toda a diferença. Afinal, o conhecimento técnico e de mercado é o que permite com que uma empresa saia do meio comum e se destaque perante os concorrentes.

Relacionado:  5 Pontos para uma impressão de sucesso.

É claro que um investimento, especialmente em maquinário e novas metodologias, sempre devem vir atrelado ao retorno que ele trará para o negócio. Caso contrário, a empresa estará apenas aumentando os custos sem obter nenhuma vantagem.

Para o profissional, esse cenário leva a margens de vendas e prestação de serviços muito justas. Em contrapartida, quando a empresa consegue oferecer trabalhos diferenciados, é possível praticar preços com margens melhores, aumentando a lucratividade.

Relacionados: Metodologia flexo 4.0 – Faça mais com CMYK > Vamos fazer sua pre impressão decolar

Outro fator muito importante é a aproximação de tonalidade das cores dentro do sistema CMYK. Visto que cada aparelho possui um perfil de cores padrão. Se você fizer o gerenciamento de cores do sistema operacional, poderá encontrar alguns perfis de cores configurados. Isso é necessário porque cada equipamento tem uma quantidade diferente de cores que pode gerar. E essa  interpretação depende  da tecnologia que é utilizada.

Essa quantidade de cores é representada em um mapa de cores o qual chamamos de GAMUT. Que não somente são diferentes entre si por quantidade, mas também por capacidade de exibição de determinadas cores. Por exemplo, o Gamut CMYK, por padrão, é menor que o RGB, mas possui uma quantidade muito maior de variações de amarelo do que o modelo aditivo. Logo existem alguns fatores que influenciam diretamente no resultado de impressão com CMYK, ou seja, é possível até mesmo aumentar o gamut só com CMYK executando:

  • Gerenciamento de cores;
  • Definir os insumos corretos para a máquina;
  • Escolha de melhores tintas;
  • A escolha de um clichê de melhor qualidade.

Outra opção para atingir tons que estão fora do gamut do CMYK e até do RGB, é investindo em mais tecnologias como a Gama Expandida, agregando mais as cores: Orange, Green e Violet. Ou seja, a adição de Cores Especiais. Tintas fabricadas com pigmentos de uma cor específica, e geralmente somados ao CMYK na impressão.

Porém, lembre-se que é necessário o controle dessas 3 cores a mais. Elas não devem ser tratadas apenas como cores especiais como é feito habitualmente. Agora, essas 3 cores são como tintas de processo com a mesma lineatura do CMYK. Por isso, requer profissionais e ferramentas específicas para configuração da máquina.

Outra dica valiosa se você busca fidelidade nas cores de impressão através de um monitor é ficar sempre atento em manter a configuração e calibração desse monitor. Se usa Windows, lembre-se que o monitor deve ser instalado ou reconhecido, nada de Monitor Plug And Play. Faça regularmente calibragem no seu ambiente de trabalho. Incorpore os perfis de cor enviados/recomendados pelo convertedor ou dono de marca em seu material impresso.

Além disso, não esqueça que a cor é essencial para um projeto gráfico. Para atingir o resultado esperado, você precisa planejar e reconhecer muito bem a cor. Logo, esta necessidade em buscar aplicações diferenciadas é grande e vem crescendo a passos largos. E é dessa forma, que a Clicheria Blumenau sai na frente e está sempre investindo em equipamentos que possibilitem maior gama de aplicação, possibilitando captar clientes e trabalhos exclusivos que não buscam apenas o metro quadrado de clichê e sim um produto final com qualidade, acabamento diferenciado e com cores fiéis às provas digitais.

Com isso, investir em soluções inovadoras é uma forma de expandir os horizontes da empresa e oferecer produtos mais competitivos. Logo, em uma era em que a inovação e a otimização de recursos são as palavras de ordem. Por isso, entendemos que esse tipo de iniciativa se torna ainda mais importante.

22jan

O que sua empresa vai fazer de diferente em 2020?

by clicheriaadmin

Prepare-se para esta pergunta: como sua empresa vai se diferenciar no mercado de flexografia este ano? Se você respondeu implementando a Gama Expandida, acertou.

Estamos preparando um webinar incrível que vai mostrar como a Gama Expandida pode ser um diferencial no seu negócio. Nessa transmissão ao vivo, feito pelo nosso especialista flexo, Jesse Martim, vamos falar sobre:

  • O que é a Gama Expandida?
  • Quais os benefícios de implementar essa tecnologia?
  • Você está preparado para esse novo tipo de trabalho?

Não vai perder essa oportunidade, né? Será uma transmissão ao vivo gratuita no dia 12 de fevereiro às 15h. Preencha o formulário para participar, clicando aqui. 🚀

25nov

10 maneiras infalíveis para escolher a Clicheria ideal

by clicheriaadmin

O que o convertedor deve esperar de uma clicheria? Quais serviços, soluções e tecnologias ela deve oferecer para que o seu negócio decole? Listamos 10 passos para te ajudar na missão de encontrar a clicheria certa para levar sua empresa a outro patamar. Vem ver!

Automação de processos

Automatizar processos significa passar as tarefas realizadas de maneira manual pelas pessoas para equipamentos, máquinas, instrumentos e outros. Com isso, são eles que se tornam responsáveis pela execução das atividades. Nessa era de indústria 4.0, a clicheria dos sonhos deve ter internamente fluxo de processos otimizados, para que os trabalhos do convertedor sejam feitos de forma rápida e segura.

Além disso, a movimentação de informações dentro da clicheria também deve ser automatizada. É necessário que as informações sejam repassadas de forma ágil e segura, já que um mesmo trabalho é passado por vários setores. A centralização dessas informações através de um sistema, minimiza erros operacionais, o famoso “boca a boca” e ações repetitivas.

Normalmente uma clicheria opera muitos softwares e por isso veem a necessidade de integração para que todas as áreas do negócio estejam automatizadas e conectadas. Dessa forma, com pouco ruído no processo de comunicação, o tempo é otimizado, há mais controle sobre procedimentos, redução de custos e diminuição de erros.

Portal B2B (Business to Business)

Ainda no âmbito de otimizar processos, é necessário que exista uma conexão entre cliente x fornecedor, ou clicheria x convertedor. Um jeito disso acontecer é ter um sistema que o convertedor tenha acesso aos trabalhos, verifica as informações e até mesmo o status que ele se encontra.

Quando a entrega de informações do trabalho é feita pelo meio digital (sistema do convertedor para o sistema da clicheria), é tudo muito mais rápido! Os benefícios são inúmeros, como transparência nos processos por LOGS (registro de informação) e aumento na agilidade de resposta.

Rastreabilidade e controle de processos internos

Qual o status do trabalho? Qual etapa ele está? Editoração ou o clichê já está gravado?
Essas perguntas são respondidas através de um sistema onde o convertedor consegue acompanhar todas as etapas dos processos. Assim é possível verificar os registros de ações e datas de execução, elucidar dúvidas no processo, rastrear datas de finalização, etapas verificadas e rastreabilidade da situação da ordem de serviço.

Gerenciamento de cores

Cada cliente é único. Dessa forma os controle e metodologia devem ser personalizados para cada cliente. A clicheria deve procurar conhecer as máquinas, equipamentos e insumos do cliente para que eles obtenham a melhor performance com gerenciamento de cores, metodologias e calibrações. Os benefícios são inúmeros:

  • Economia imensa em todos os sentidos
  • Impressão nos números (realidade!)
  • Diminuição de devoluções
  • Aumento da satisfação do dono de marca

Tecnologia de alta lineatura

A clicheria ideal deve inovar e oferecer o que há de melhor no mercado. Hoje já existem as retículas customizadas que propõem:

  • Conversão facilitada de rotogravura para flexografia
  • Alto contraste e degrades mais suaves
  • Mínimas terminando em zero
  • Dúvida se é impressão flexo ou prova digital

Porém essa implantação deve ser feita com a configuração já existente do convertedor, utilizando seus equipamentos, insumos e parque fabril atual.

Gama Expandida de alta performance

A gama expandida é um dos assuntos mais comentados no mundo flexo. E não é para menos, a produtividade é aumentada pois teremos 7 cores fixas no processo de impressão que nos permite a simulação de mais de 90% das cores especiais utilizadas hoje.

  • Implementação e conversão rápida
  • Sistemas de automação de informação
  • Controle facilitado e eficaz
  • Documentação e informações que mostram onde é possível chegar

E claro, se a sua clicheria tem know how em implantação da gama expandida, é imprescindível que ela forneça uma assessoria desde a criação do arquivo até a impressão final.

Times/nichos de negócio especializado

Cada segmento é único e deve ser tratado de forma personalizada e coerente. A clicheria dos sonhos prepara e especializa as equipes para atender determinado segmento. Exemplos de segmentação:

  • Prepress
  • Tratamento de Imagem
  • Conferência
  • Desenvolvimento de Artes
  • Banda Larga e Banda Estreita
  • Clientes com grandes volumes de trabalho, em geral tem suas particularidades e exigem uma equipe focada nesses processos.

Equipe técnica certificada e eficaz

O trabalho de uma clicheria é extremamente técnico e delicado. Um erro pode acarretar em circunstâncias muito ruins. Ter uma equipe técnica eficiente é de extrema importância para o processo diário.
Não adianta ser apenas certificado, é necessário saber aplicar as metodologias e obter a melhor performance.
É importante ter ciência que muitos processos criados nos EUA e Europa NÃO funcionam no Brasil sem ADAPTAÇÃO – deve ser respeitado as etapas, infraestrutura, tecnologias, entre outros.
Uma clicheria eficiente também atua como elo entre diversos fornecedores para integrar soluções individuais.

Segurança e retenção de dados

A sua clicheria segue a Política de Segurança da Informação? Se sim, é importante que ela tenha:

  • Criptografia de dados em toda as suas plantas para que nenhum hacker possa ter acessos aos dados do convertedor
  • Retenção de dados – Os arquivos completos são do convertedor/dono de marca. O convertedor deve ter acesso trabalhos antigos, caso seja necessário.
  • Backup 3-2-1 (Local + Backup Externo + Nuvem)

Logística Avançada

Sabemos como a agilidade é importante para o convertedor. A sua clicheria está próxima de você? Se não, tem uma entrega eficiente?
O convertedor não para. A clicheria também não pode parar. Por isso, a clicheria ideal entende que deve ter plantas estratégicas no território que atua, para que possa atender seu cliente com agilidade e segurança na entrega.
Problemas acontecem certo? Quando a clicheria trabalha com logística decentralizada, os trabalhos não ficam dependendo de apenas uma unidade e podem ser realizados por outras.

A clicheria que te atende hoje segue esses requisitos? Se a resposta for não, entre em contato com a gente!

18nov

2 lições importantes aprendidas no RD SUMMIT

by clicheriaadmin

Hoje queremos trazer um assunto um pouco diferente do que estamos habituados a mandar para você. Não vamos falar sobre clichê, impressão ou flexografia. Hoje vamos falar de marketing e vendas.

Tivemos a oportunidade de participar do evento RD SUMMIT 2019 – O maior evento de marketing e vendas da América Latina, que reúne mais de 150 palestrantes, com cerca de 180 horas de conteúdo apresentados em oito palcos simultâneos para 12 mil participantes. Confira, então, algumas das principais lições aprendidas. Separamos duas para você. Bora?

1 – HUMANIZAÇÃO:

Em uma era tão digital, tecnológica e extremamente imersa de informação, é necessário ressignificar as relações e entender que o ponto chave está em nós mesmos. Temos que lembrar que por trás das marcas existem pessoas, e nossos clientes são pessoas, nossos colaboradores são pessoas! E é pensando nelas que devemos desenvolver nossas estratégias.

O público está cada vez mais consciente sobre o que é uma propaganda, e é facilmente capaz de identificar quando uma marca só está interessada em vender. Para fugir da mesmice é essencial que as empresas conheçam profundamente seus públicos como PESSOAS e que construam relações de confiança e transparência. O que o seu público quer de você? O que só você consegue oferecer? O que une o seu público? O que o compele emocionalmente?

Ao desenvolver uma estratégia de comunicação e vendas, você deve se fazer duas perguntas:

  • Se fosse eu, gostaria de receber esse tipo de informação?
  • A entrega dessa estratégia empodera meu cliente a fazer coisas fantásticas com meu produto/serviço?

O tempo de falar apenas de nós já acabou, o cliente quer saber o que você pode fazer por ele. A sua história não é sobre a sua solução ou sobre o seu produto. A sua história é a respeito da pessoa que você está tentando alcançar. Traga ela para o centro e conte ela de forma humana.

2 – TRANSFORMAÇÃO DIGITAL:

Transformação digital de verdade é aquela que as pessoas não veem, senão você está fazendo errado. Então, o que eu posso estar errando?

  • Falar só sobre a própria marca: sem agregar valor e utilidade, ou seja, sem resolver a real dor do seu cliente. Você precisa entender a intenção do cliente, o que ele quer saber ou precisa de verdade. Não é sobre o que as pessoas estão procurando, mas o que elas querem encontrar.
  • Inventar moda: Quando se fala em formato de conteúdo, o método arroz com feijão é o melhor. Se você não faz nem o básico, por que inventar moda? Inovar não é errado, já inovar sem propósito é um tiro no pé.
  • Se todo mundo está fazendo, vou fazer também: A estratégia de transformação digital precisa estar baseada em dados e segmentação, não no que você vê o seu concorrente fazendo.
  • As pessoas estão muito preocupadas em obter resultados rápidos, o que pode deixá-las vulneráveis. É necessário ter paciência e compreender que o sucesso acontece gradativamente.

Para performar no digital você precisa utilizar estratégias, novamente, humanas: Mostre pessoas, faça conteúdos com empatia, crie uma história inspiradora, proporcione experiência, escute seu público, seja transparente e verdadeiro, isso tudo condizente com seu propósito.

Gostou dessas dicas? Caso você tenha uma dúvida, ou queira falar mais sobre marketing, entre em contato com a gente! 😊

* Foto: Palestra com Ann Handley

29ago

CONHEÇA O SISTEMA PIXEL PLUS

by clicheriaadmin

A Clicheria Blumenau investe constantemente para aprimorar a qualidade de seus produtos e serviços, e agora traz à você o sistema Pixel Plus, que trabalha com fluxo totalmente digital.

O novo sistema grava em alta definição criando retículas de alta qualidade, degrades suaves, aumento de densidade nos sólidos, ampliando a gama de cores e gerando imagens mais nítidas. São diversas vantagens que vão dar aquele plus nas suas embalagens. Entre em contato e surpreenda-se!